Logo
 Imprimir esta página

Luc Besson desmente sequela de «Lucy» e critica jornalistas

Na semana passada a Variety, entre muitos outros meios, incluíndo o c7nema, publicaram um artigo que dava conta que o CEO da EuropaCorp, Marc Shmuger, confirmara que Luc Besson tinha terminado o guião da sequela do thriller de ação Lucy, filme de 2014 protagonizado por Scarlett Johansson.

Porém, e numa publicação no seu Instagram, o realizador de filmes como O Quinto Elemento e Valerian nega essas informações, dando mesmo um "raspanete" aos jornalistas: «Caros jornalistas. Você fazem um trabalho formidável, nobre e útil. Vocês investigam, cruzam informação, e cruzam esse resultado com a verdade, da qual vocês são o porta-voz (...). Que honra para vocês informar, antecipar, guiar, e até decifrar... Mas isso foi ANTES. Antes da Internet e da vossa procura desenfreada e tola de rumores. Não importa se a informação é correta ou errada, quando somos os primeiros a dizer qualquer coisa. Para o diabo com a ética ou moral. Vamos pegar num artigo estrangeiro e nos contentar em traduzi-lo, sem perspetiva, sem discernimento. (...) Nós fazemos talvez  filmes que não lhes agradam, mas aplicamo-nos, muitas vezes durante anos, para servir o nosso amor e a nossa fé. Por favor, tentem recuperar a vossa dignidade, a vossa nobreza, a vossa coragem. Vocês precisam tanto neste momento difícil. (...) Respeitem-se. Para informações: não, não estou a preparar Lucy 2. Nem ontem, nem amanhã. No entanto, esta notícia falsa fez a volta do mundo graças a vocês .... Você vai dizer: "não é grave". É verdade, você está certo ... mas é "falso" e normalmente esta palavra não deve fazer parte do seu vocabulário, porque se não podemos mais acreditar em si, como mantemos uma democracia? A nossa liberdade depende da sua integridade

Convém mencionar que Besson raramente publica em francês nesta rede social, estando assim a ser encarada esta mensagem como um puxão de orelhas à imprensa francesa. 

Recorde-se que em Lucy, Johansson é uma mulher que, após ser raptada e usada como «mula» de uma droga escondida nos seus intestinos, adquire capacidades sobre-humanas. Morgan Freeman, Choi Min-Sik, Amr Waked, Pilou Asbaek e Analeigh Tipton participam também no filme, que conseguiu mais de 400 milhões de euros em receitas em todo o mundo.



Itens relacionados

Copyright © 1999-2017 C7nema. Todos os direitos reservados/All rights reserved.