Menu
RSS


Césars: «Custódia Partilhada» é o grande vencedor dos prémios do cinema francês

 

Foram divulgados os vencedores dos Césars, os principais prémios do cinema francês. Jusqu'à la garde (Custódia Partilhada) foi o grande vencedor da noite, conquistando os prémios de melhor filme, melhor atriz (Léa Drucker), melhor argumento (Xavier Legrand) e melhor edição/montagem (Yorgos Lamprinos).

Também fortemente premiado foi The Sisters Brothers (Os Irmãos Sisters), com Jacques Audiard a ganhar a melhor realização, Benoît Debie a melhor cinematografia, Michel Barthélémy a melhor direção artística, e Brigitte Taillandier, Valérie De Loof e Cyril Holtz o melhor som.


Os Irmãos Sisters

Shéhérazade levou três estatuetas para casa, melhor primeiro filme, ator e atriz revelação (Dylan Robert e Kenza Fortas), enquanto o falso documentário Guy arrecadou dois prémios - melhor ator (Alex Lutz) e melhor banda sonora original-, tantos como Les Chatouilles (melhor argumento adaptado e melhor atriz secundária). 

De resto, de realçar a vitória de Michel Ocelot e o seu Dilili à Paris na categoria de melhor filme de animação, Le Petites Mains na categoria de melhor curta-metragem de ficção, e de Vilaine fille, de Ayçe Kartal, na categoria de melhor curta-metragem de animação. Este último superou assim Entre Mãos, coproduzido pela francesa Vivement Lundi! e pela portuguesa Um Segundo Filmes, que venceu o Prémio do Público na última edição do Curtas Vila do Conde.

 
Dilili à Paris

Nos derrotados, destaque para En Liberté! (Em Liberdade), que contava com 9 nomeações e não conquistou nenhum César, e o fraco resultado de Le Grand Bain (Ou Nadas Ou Afundas), nomeado a 10 prémios e vencedor de apenas um (Philippe Katerine como melhor ator secundário).

A cerimónia ficou ainda marcada pelo performance de Kad Merad como Freddie Mercury, o adeus sentido a diversos nomes do cinema falecidos, como Claude Lanzmann e Bernardo Bertolucci, e a entrega do César honorário a Roberd Redford pelas mãos da atriz Kristin Scott Thomas, com quem ele colaborou em 1998 no filme O Encantador de Cavalos.

Embed from Getty Images

"Obrigado a todos e obrigada Kristin. Vocês sabem, amo Paris, sempre amei Paris. Vim aqui quando tinha 18 anos e queria uma nova experiência. Não tinha dinheiro, só tinha esperança. Antes de me ir embora, vocês vão rir, mas comprei uma boina. Um americano veio ter comigo, viu a minha boina e perguntou: "Você é um turista americano?" Aí, livrei-me da boina.", disse o ator. 

Aqui ficam todos os vencedores da 44ª cerimónia de entrega dos César.

Nomeados/Vencedores

Melhor Filme

La Douleur
En Liberté!
The Sisters Brothers
Le Grand Bain
Guy
Jusqu'à la garde
Pupille

Melhor Primeiro Filme

L'amour flou
Les Chatouilles
Jusqu'à la garde
Sauvage
Shéhérazade

.
Melhor Filme Estrangeiro

Three Billboards Outside Ebbing
Capharnaüm
Cold War
Girl
Hannah
Nos Batailles
Shoplifters

.
Melhor Realizador

Emmanuel Finkiel - La Douleur
Pierre Salvadori - En Liberté!
Jacques Audiard - The Sisters Brothers
Gilles Lellouche - Le Grand Bain
Alex Lutz - Guy
Xavier Legrand - Jusqu'à la garde
Jeanne Henry - Pupille

.
Melhor Ator

Edouard Baer - Mademoiselle de Joncquières
Romain Duris - Nos Batailles
Vincent Lacoste - Amanda
Gilles Lellouche - Pupille
Alex Lutz - Guy
Pio Marmaï - En Liberté!
Denis Menochet - Jusqu'à la garde

.
Melhor Atriz

Elodie Bouchez - Pupille
Cécile de France - Mademoiselle de Joncquières
Léa Drucker - Jusqu'à la garde
Virginie Efira - Un Amour impossible
Adèle Haenel - En Liberté!
Sandrine Kiberlain - Pupille
Mélanie Thierry - La Douleur

.
Melhor Ator Secundário

Jean-Luc Anglade - Le Grand Bain
Damien Bonnard - En Liberté!
Clovis Cornillac - Les Chatouilles
Philippe Katerine - Le Grand Bain
Denis Podalydès - Plaire, aimer et courir vite

.
Melhor Atriz Secundária

Isabelle Adjani - Le Monde est à toi
Leïla Bekhti - Le Grand Bain
Virginie Efira - Le Grand Bain
Audrey Tautou - En Liberté!
Karin Viard - Les Chatouilles

.
Melhor Revelação Masculina

Anthony Bajon - La Prière
Thomas Gioria - Jusqu'à la garde
William Lebghil - Première année
Karim Leklou - Le Monde est à toi
Dylan Robert - Shéhérazade

.
Melhor Revelação Feminina

Ophélie Bau - Mektoub my Love
Galatea Bellugi - L'Apparition
Jehnny Beth - Un amour impossible
Lily Rose Depp - L'homme fidèle
Kenza Fortas - Shéhérazade

.
Melhor Argumento Original

En Liberté!
Le Grand Bain
Guy
Jusqu'à la garde
Pupille

.
Melhor Argumento Adaptado

Les Chatouilles
La Douleur
The Sisters Brothers
Mademoiselle de Joncquières
Un amour impossible

.
Melhor Fotografia

La Douleur
The Sisters Brothers
Le Grand Bain
Jusqu'à la garde
Mademoiselle de Joncquières

.
Melhor Edição

Les Chatouilles
En Liberté!
The Sisters Brothers
Le Grand Bain
Jusqu'à la garde

.
Melhor Banda-Sonora Original

Amanda
En Liberté!
The Sisters Brothers
Guy
Pupille
Un Amour impossible

Melhor Guarda-Roupa

La Douleur
L'Empereur de Paris
The Sisters Brothers
Mademoiselle de Joncquières
Un peuple et son roi

.
Melhor Som

La Douleur
The Sisters Brothers
Le Grand Bain
Guy
Jusqu'à la garde

.
Melhor Direção Artística

La Douleur
L'Empereur de Paris
The Sisters Brothers
Mademoiselle de Joncquières
Un Peuple et son Roi

Melhor Curta-Metragem

Braguino - Clément Cogitore
Les Indes galantes - Clément Cogitore
Kapitalistis - Pablo Muñoz Gomez
Laissez moi danser - Valérie Leroy
Les petits mains - Rémi Allier

Melhor Curta-Metragem de Animação

Entre Mãos - Alice Eça Guimarães e Mónica Santos
La mort, père et fils - Denis Walgenwtiz e Winshluss
Raymonde ou l'évasion verticale - Sarah Van Den Boom
Vilaine fille -Ayce Kartal



Deixe um comentário

voltar ao topo

Contactos

Quem Somos

Segue-nos