Menu
RSS

 



Realizadores norte-americanos (também) escolhem «La La Land»

Foram conhecidos os vencedores da 69ª cerimónia de entrega dos prémios da Directors Guild of America (DGA), atribuídos pela guilda dos realizadores. Damien Chazelle, realizador de La La Land, levou para casa o cobiçado prémio para Melhor Realizador, confirmando assim o seu estatuto de favorito para a noite dos Oscar, no próximo dia 26 de fevereiro. Nas suas 69 edições, só por sete ocasiões o prémio não coincidiu com o Oscar para Melhor Realizador.

Na hora de receber a distinção, Chazelle aproveitou a ocasião para defender o cinema, elogiando o cinema iraniano e criticando as últimas medidas de Donald Trump: «Quando se começa a excluir cineastas ou vozes porque vêm de outras partes do mundo e se decide que não são úteis para nós, entramos num território escorregadio e também completamente anti-arte.»

Garth Davis (Lion), outro dos nomeados para o prémio principal, acabou por levar para casa um prémio para melhor estreia nas longas-metragens, e Ezra Edelman acumulou mais uma distinção pelo seu documentário O.J.: Made in America, outro favorito na sua categoria respetiva para os prémios máximos da indústria.



Deixe um comentário

voltar ao topo

Contactos

Quem Somos

Segue-nos