Menu
RSS

 



Queer Lisboa 22: os principais destaques

Sauvage

Como é já habitual, o Queer Lisboa acaba de revelar a sua programação completa a uma semana e meia do início do certame, numa conferência de imprensa que decorreu no Hotel Florida, no centro da cidade. 

A juntar ao que já tinha sido revelado - a exibição de Diamantino de Gabriel Abrantes e Daniel Schmidt (Grande Prémio da Semana da Crítica de Cannes), Bixa Travesty (Teddy Award em Berlim), Disobedience de Sebastán Lelio (Una Mujer Fantastica), e uma retrospetiva sobre o VIH/SIDA a decorrer na Cinemateca Portuguesa, juntam-se agora outras novidades igualmente sumarentas. 

De Cannes surge também o francês Sauvage sobre um prostituto, um filme que causou já celeuma q.b. quando passou na Croisette há uns meses atrás, e promete aguçar ainda mais o debate atual sobre a legalização/regulamentação da prostituição. Estreado em Berlim, e entretanto também com passagem por Cannes 2018 temos Girl (pré-seleccionado pela Bélgica para o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro) - filme sobre a difícil transição trans de uma bailarina. Ambos os filmes acima estão em competição para o prémio para Melhor Longa Metragem. 

Girl

Da Berlinale deste ano teremos ainda os documentários Shakedown, relato da cena undergroundda comunidade afro-americana lésbica (outra aquisição da Berlinale deste ano) e The Silk and the Flame, sobre a visita de um jovem gay à sua família durante o Ano Novo Chinês. No mesmo lote (competição para Melhor Documentário), destaque ainda para o regresso da dupla Caio Cavechini e Carlos Juliano Barros (um ano após terem arrecadado o Prémio do Público neste festival) com Cartas Para Um Ladrão de Livros, sobre um marginal que fez do roubo de livros raros vida. 

Na secção Queer Pop, foi dado tempo de antena a Janelle Monae, que assinou um dos melhores álbuns pop (e um dos mais queer) deste ano; enquanto noutra sessão, teremos um espaço dedicado à Eurovisão, e em seu complemento, a exibição do documentário Punk Voyage sobre a banda finlandesa PKN. 

A programação completa, incluindo os horários, pode ser consultada no site do certame: http://queerlisboa.pt/

 



Deixe um comentário

voltar ao topo

Contactos

Quem Somos

Segue-nos