Logo
 Imprimir esta página

«Our Souls at Night» por André Gonçalves

O que nos restará quando tivermos 80 anos e tivermos perdido os nossos conjugues? Para Addie Moore, a solução passa por bater à porta do seu vizinho, igualmente um viúvo de 80 anos, e pedir para dormir com ele, para combater a solidão. E assim, uma nova relação germina. 

Nesta história de amor com um toque de proibido há também aqui uma vontade de iluminar mentalidades, mostrando que a idade é também um factor discriminatório, quase como se tratasse de uma orientação sexual minoritária. Mas o que mais impressiona nesta nova longa-metragem de Ritesh Batra (A Lancheira) é precisamente o quão se retrai para oferecer de bandeja uma oportunidade de Robert Redford e Jane Fonda brilharem novamente, 38 anos após terem contracenado juntos pela última vez. 

O filme em si tem uma disposição "folk", é doce, confortável, fala de comboios elétricos por terminar num tom melancólico, mas há ao longo deste a certeza que só Fonda e Redford, com a sua história passada especial, conseguiam pôr este comboio a andar... 

Não há grandes truques ou grandes planos. Batra aproveita este grande trunfo que tem na sua mão para simplesmente comunicar com o espectador, aproveitando para misturar memórias pessoais com as memórias de ecrã "meta". Para muitos, será mais que o suficiente.  

André Gonçalves



Itens relacionados

Copyright © 1999-2017 C7nema. Todos os direitos reservados/All rights reserved.