Menu
RSS


«Taekwondo» por André Gonçalves

max-entrevistas-taekwondo-2Presente na competição pela terceira vez (um recorde?), o argentino Marco Berger continua a ser das vozes mais interessantes do cinema "queer" mundial. Se não foi à terceira que conquistou o prémio máximo do festival, não foi por falta de qualidade, assegure-se. 

A ideia de "Taekwondo" terá surgido com o documentário "Fulboy", sobre o dia-a-dia de jogadores de futebol e o que acontecia quando estavam conscientes ou não da câmara, editado por Berger e Martín Farina e realizado por este último (Farina é aqui co-realizador). Esse grupo de jogadores é agora então transposto de uma forma perversa para um espaço privado, com direito a piscina, sauna, e "court" de ténis, e com o direito a despirem-se de preconceitos estando num grupo exclusivamente de homens... 

A câmara vai intrusivamente filmando estes corpos atléticos e conversas casuais consciente que o "voyeurismo" desta dupla se replica no espectador, e onde o homoeroticismo das situações possa ser entendido de forma ambígua ao longo de praticamente toda a sua duração. Essa ambiguidade espelha-se numa dúvida: a incapacidade de Germán (Gabriel Epstein), colega de taekwondo de Fernando (Lucas Papa), perceber se o seu colega de treino está efetivamente a atirar-se a ele ou se é um simples ato de  confraternização heterossexual. Portanto, Berger a voltar ao melhor que nos apresentou em "Plan B" e "Ausente": foco na masculinidade, e na dúvida que um amor homossexual possa ter lugar dentro desse padrão. E claro, um jogo de sedução com o espectador, que arrisca em testar os limites da sua paciência, não fosse o jogo funcionar... 

Não vale a pena ter pressa aqui. Numa época tão marcada pela instantaneidade, Berger e Farina recusam dar o que o espectador mais deseja durante 99% da película, guardando o orgasmo para um pedido final. "Taekwondo" é um filme de suspense, uma comédia, um olhar ácido ao mundo encantado dos homens e das suas "fraternidades", um "reality show" para intelectuais. É, acima disso tudo, mais um tiro em cheio.  

O melhor: O olhar intrusivo e perverso de Berger e Farina que consegue manter-se fiel aos seus objetivos até final. 

O pior: este jogo de sedução não será para todos - sobretudo para quem não aprecia overdoses de planos inferiores de corpos masculinos ou para quem deseja logo ação.

André Gonçalves



Deixe um comentário

voltar ao topo

Atenção! Este website usa Cookies.

Ao navegar no website estará a consentir a sua utilização. Saber mais

Entendi

Os Cookies

Utilizamos cookies para armazenar informação, tais como as suas preferências pessoais quando visitam o nosso website. Os cookies são pequenos ficheiros de texto que um site, quando visitado, coloca no computador do utilizador ou no seu dispositivo móvel, através do navegador de internet (browser). 

Você tem o poder de desligar os seus cookies, nas configurações do seu browser, ou efetuando alterações nas ferramentas de programas AntiVirus. No entanto, isso poderá alterar a forma como interage com o nosso website, ou outros websites.

 Tipo de cookies que poderás encontrar no c7nema?

Cookies estritamente necessários : Permitem que navegue no website e utilize as suas aplicações, bem como aceder a eventuais áreas seguras do website. Sem estes cookies, alguns serviços que pretende podem não ser prestados.

Cookies analíticos (exemplo: contagem de visitantes e que páginas preferem): São utilizados anonimamente para efeitos de criação e análise de estatísticas, no sentido de melhorar o funcionamento do website.

Cookies funcionais

Guardam as preferências do utilizador relativamente à utilização do site, de forma que não seja necessário voltar a configurar o website cada vez que o visita.

Cookies de terceiros

Medem o sucesso de aplicações e a eficácia da publicidade de terceiros. Podem também ser utilizados no sentido de personalizar widgets com dados do utilizador.

Cookies de publicidade

Direcionam a publicidade em função dos interesses de cada utilizador. Limitam a quantidade de vezes que vê o anúncio, ajudando a medir a eficácia da publicidade e o sucesso da organização do website.

Para mais detalhes visite http://www.allaboutcookies.org/

Secções

Quem Somos

Segue-nos

Contactos