Logo
 Imprimir esta página

Os Produtores - Ep 3: O Universo nas minhas mãos

Num estúdio tão velho onde o ar condicionado não é ligado para não espalhar o bolor

Igor- Chamou-me Mestre?

Produtor- Senta-te Igor.

De maneiras que o Igor senta-se

Produtor- Toma, bebe este café.

Igor- [pegando na chávena] Está frio Mestre...

[Igor cospe o café, tentando, contudo, acertar na chávena para não ter de limpar a seguir]  Isto está salgado Mestre!

Produtor- É PARA TU VERES A QUE SABEM AS MINHAS EXPETATIVAS! QUE DESASTRE FOI ESTE DA MÚMIA?!

Igor- Mas o filme foi um sucesso na China

Produtor- ENTÃO MUDAMO-NOS PARA LÁ JÁ QUE ELES COMEM TODA A MERDA QUE LHES DAMOS!

Igor- Não foi nenhum flop. Foi só... abaixo do que seria respeitável...

Produtor- Eu sabia que não devíamos ter dito que seria um universo partilhado! E ainda por cima mostrámos uma foto com o elenco todo. Bem, não mostrámos o Johnny Depp, ainda vamos a tempo de o tirar do projeto. Não sei bem de onde veio essa ideia também.

Igor- O próximo filme está para 2019, ainda vamos a tempo de remediar.

Produtor- [a esfregar os olhos intensamente] Depois do que já investimos. Explica-me este orçamento! 50% foi para pagar o anão. 25% foi para os banquinhos do IKEA para que ele pudesse correr à vontade no mesmo plano que os outros atores. 20% foi para corrigir em CGI o dente que ele tem a meio dos lábios. 4% foi para pagar os outros atores e entre o 1% para o catering sobrou 14€ para pagar ao meu sobrinho de 12 anos para escrever isto.

Igor- E o seu sobrinho safou-se muito bem!

Produtor- Não conseguiu terminar, teve de ser o irmão de 6 anos a fazer desenhos em lápis de cera para os atores interpretarem.

Igor- Vai ver que o público se esquece deste filme. Aliás, muito esqueceram enquanto o viam. Começamos de novo com uma nova imagem.

Produtor- E como é que o orçamento foi calculado em 125%? Para onde foram os 25% extra?

Igor- Para corrigir os olhos da Múmia. Esqueci-me como se chama a atriz.

Produtor- Corrigir?

Igor- Sabe a cena em que a Múmia fica com quatro retinas? Na verdade, as duas que se afastam para o lado são os verdadeiros olhos da atriz.

Produtor- O quê? Como é que não vimos isso nos testes?

Igor- Nós vimos, mas o Mestre disse para escolhermos uma boa atriz que não precisasse de muito papel higiénico à volta.

Produtor- Então e onde está a boa atriz?

Igor- Ela é boa e é atriz.

Produtor- Eu sabia que devíamos ter escolhido o Steve Buscemi, já cobrava os custos da maquilhagem para pagar ao anão.

Igor- Podemos chamá-lo para o reboot do Universo.

Produtor- E ainda queriam que chamasse-mos o óbvio Universal Monsters Cinematic Universe, ou UM CU. Então aí é que arruinávamos o marketing de vez.

Igor- Não fique assim Mestre, tentamos agora com o Homem Invisível, os posters saem mais baratos.

Produtor- Qual é que é o segredo da Marvel? Como é que eles conseguiram lançar vários filmes medíocres para o estrelado logo à primeira? Eu tento lançar um filme e tenho que fazer outro a seguir para o tapar!

Igor- Não seja tão duro consigo Mestre. Olhe a Warner, eles só acertaram à quarta vez.

O estúdio começa a tremer ao ritmo dos passos no corredor

Entra o mordomo, alto como uma torre, gordo como o Fernando Mendes

Mordomo- [voz grave] Senhor... está aqui... o senhor... Produ...

Igor- Produ?

Mordomo- ..Tor!

Produtor- Mas quem é que-..

Produtor 2- Fred!

Produtor [Fred]-... Jorge...

Produtor [Jorge]- Adoro o teu estúdio, parece real.

Produtor [Fred]- O que é que tu queres?!

Produtor [Jorge]- Vim em negócios. Lourenço, mostra-lhe o gráfico.

Lourenço saca de um papel cavalinho e exibe ao Produtor

Produtor [Fred]- Isso é uma foto tremida de uma pizza meio comida.

Produtor [Jorge]- Estávamos com pressa.

[saca de um ponteiro que se estica, como eu nos almoços de família]

Este pac-man todo são os meus negócios. Estes pepperonis são os Transformers e a mozzarella é o meu acordo com a Hasbro. Vês estes cogumelos secos postos no canto? São os teus direitos sobre a licença Jurassic Park. Quero licenciar os brinquedos com a Hasbro, o que seria estes cubos de gelatina.

Lourenço- Isso é frango Senhor.

Produtor [Jorge]- Não me faças rir que eu estou a trabalhar.

Produtor [Fred]- O que é que ganhas com isto?

Produtor [Jorge]- Ganho poder usar os dinossauros nos filmes Transformers, expandido o universo partilhado.

Produtor [Fred]- Não havia um T-Rex nos últimos filmes?

Produtor [Jorge]- Sim mas os pais não compram o mesmo dinossauro mais do que uma vez.

Igor- O que representa aquela massa sem tomate nenhum?

Produtor [Jorge]- A Telepizza.

Produtor 3- Boa tarde!

Produtor [Jorge]- Olha o Abreu, vieste ver o que os adultos andam a fazer?

Produtor [Abreu]- Jorge... Tens feito cinema?

Produtor [Jorge]- Sim, consegui fazer dinheiro a vender um excremento literal. E tu?

Produtor [Abreu]- Lancei o Dunkirk.

Produtor [Jorge]- É sempre um elogio quando nos imitam.

Produtor [Fred]- O que é que tu queres Abreu?

Produtor [Abreu]- Nada, só vim ser uma referência para quem leu o episódio 1. A malta dispõe-se bem por entender quem eu sou e os outros procuram saber lendo o que já foi escrito. Mas concretamente não venho contribuir com nada para este artigo. Por isso até logo.

Sai de cena

Produtor [Jorge]- Olha para ele Fred. Com 64 anos e a produzir filmes. Eles crescem tão depressa. Então, emprestas-me os raptors?

Produtor [Fred]- Preciso de pensar.

Produtor [Jorge]- Em quê? Vais expandir o universo para fazeres a fantástica série da Netflix sobre o mosquito embebido em âmbar?

Produtor [Fred]- Eu tenho o meu próprio universo cinematográfico!

Produtor [Jorge]- Qual deles? O universo da Múmia? O Universo do Dracula Untold? Às tantas já me perco. O que mais varreste para o tapete?

Igor- Mestre, não o ouça! Pense bem! Podemos recomeçar a partir do Wolfman de 2010!

O Produtor Fred olha para o Igor e pondera seriamente.

 



Copyright © 1999-2017 C7nema. Todos os direitos reservados/All rights reserved.